quarta-feira, junho 04, 2014

NAU À DERIVA


Todos juntos no mesmo barco
Papo furado igual a queijo suíço
Cheio de ratos para todos os lados
Devora o espanto o coração na boca
As mãos em declínio de movimentos
No embalar de coisas no mesmo pacote:
- Tudo se torna farinha do mesmo saco.

Fabiano Silmes

Nenhum comentário: