terça-feira, abril 15, 2014

Aquário sem salva-vidas



O fim se aproxima, as águas negras e sujas envolvem o naufrago em círculos desconexos. Exaurido e frustrado pelo esforço físico, ele sente o pulmão sendo invadido por espuma e medo. Indo e vindo, ondas escurecidas se chocam contra o seu rosto quase submerso, grossas e pegajosas com o óleo do navio partido nas pedras, ao longe. Um pouco mais de ar, ele tenta respirar, em meio a todo aquele inferno líquido. Estava esgotado e visivelmente triste, triste como quem caminha ao longo da praia deserta sem esperança de voltar ao ponto inicial. O fim, o fim sem quaisquer eufemismos tendenciosos e esperanças inúteis. Consciente da delicada situação em que se encontrava, ou mais apropriadamente o calvário que se encontrava, ele tentava manter-se calmo, embora, seus gritos afogados dissessem o contrário. Resoluto da impossibilidade de encontrar qualquer ajuda, ali, há milhas e milhas da costa mar adentro, conservou até o último momento de agonia a dignidade de não fazer qualquer oração a nenhum deus dentro daquele firmamento enegrecido. Então, de repente, quando tudo parecia ter uma daquelas lindas reviravoltas Wollywoodianas, as ondas ficam mais agitadas e destemidas. Naquele indo e vindo angustiante. O fim inexplicavelmente, daquele rapaz tão cheio de vida que outrora pescava e era feliz em seu povoado. O corpo cada vez mais fraco deslizando para dentro de abismos inalcançáveis... O fim de todos os sonhos depositados além do porto. Eram seus últimos suspiros. Foi nesse instante, somente nesse instante - eu repito - que suas lágrimas mornas e desesperadas encontraram o conforto das águas frias e salgadas do oceano. A partir daquele ponto nada mais o salvaria de seu destino... Corte súbito. Cenas dos próximos capítulos.


Fabiano Silmes

2 comentários:

devid john disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blog.
╦®╦@╚ disse...



Este poema é novo?!

Lembrei de Gritos Silenciosos... era este o nome do blog ? Vc ainda o mantem?

Gostei deste ai ... aguardando os próximos capitulos!