quarta-feira, janeiro 16, 2008

Sobre sonhos


Não gosto de bons sonhos
Prefiro os piores pesadelos
Fazem-me sentir mais feliz
De viver a realidade

130Total206





Foto: Banksy


Banksy é um dos mais conhecidos artistas de rua do mundo. Nascido em Bristol, Reino Unido em 1975 seus stencils são facilmente encontrados nas ruas de Londres.
Não se sabe a identidade de Banksy. Ele não costuma dar entrevistas e fez da contravenção uma constante em seu trabalho, sempre provocativo.
Recentemente, ele trocou 500 CDs da cantora Paris Hilton por cópias adulteradas em lojas de Londres, e colocou no parque de diversões Disney uma estátua-réplica de um prisioneiro de Guantánamo.
Sua obra é carregada de conteúdo social expondo claramente uma total aversão aos conceitos de autoridade e poder.
Em telas e murais faz suas críticas, normalmente sociais, mas também comportamentais e políticas, de forma agressiva e sarcástica, provocando em seus observadores, quase sempre, uma sensação de concordância e de identidade.
Apesar de não fazer caricaturas ou obras humorísticas, não raro, a primeira reação de um observador frente a uma de suas obras será o riso. Espontâneo, involuntário e sincero, assim como suas obras.


Fonte: Wikipédia, a enciclopédia livre.






to0T4L::::::::::::::::::

5 comentários:

cõllybry disse...

Sonho hás vezes adoça,o pesadelo atormenta...mas sempre na realidade da vida...
Doce meu beijo

fabiano Silmes disse...

Vi e revi, logo refleti o tema abordado.

Obs:A realidade é um sonho que mata...Ou nas palavras do Renato Russo "viver é uma dádiva fatal no fim das contas ninguém sai vivo daqui".O pesadelo é acreditar que o sonho é real ou vice versa...quem vive no sonho não tem tempo para viver a realidade.

Abraços!!

F. Reoli disse...

Eu escrevo sobre sonhos e você de realidade... dois textos que se equilibram e nos fazem pensar... abração

Lu Rosário disse...

Quando olhei a foto, lembrei-me imediatamente da bomba de Hiroshima e Nagasaki.. muito triste.
E o seu poema, lindo para variar..rs

Beijos.
Saudades.

Nano Costa disse...

Ser feliz no pesadelo é para poucos a fuga para muitos é inevitável...